Avançar para o conteúdo

O LU JONG NA TERAPIA COMPORTAMENTAL

O Lu Jong é uma prática tibetana muito antiga que combina movimentos suaves, com formas específicas de respirar e com atenção plena, e foi desenvolvido para ajudar os seus praticantes a alcançarem o equilíbrio mental, emocional e físico. Embora muitas pessoas pratiquem o Lu Jong como uma forma de exercício físico, e de manutenção do bem-estar geral, esta prática pode ser uma ferramenta bastante útil na terapia comportamental.

E é sobre este tema que vamos falar neste artigo. Vamos explorar como o Lu Jong pode ser utilizado na terapia comportamental e que benefícios pode trazer para quem o pratica. 

O que é o Lu Jong?

Antes de abordarmos o Lu Jong enquanto terapia comportamental é importante entender esta prática e no que consiste. O Lu Jong é uma prática tibetana que combina movimentos suaves com padrões específicos de respiração. E os movimentos o que fazem é aumentar os espaços entre as vértebras da coluna vertebral e, alternadamente, comprimir esses espaços. Como se estivéssemos perante o movimento de uma “concertina”, o que faz com que sejam libertados bloqueios e tensões dos canais do nosso corpo. Então a energia consegue circular sem obstáculos, e a circulação sanguínea e linfática é estimulada. O mais extraordinário desta prática é que é muito simples e fácil de fazer, mas muito eficaz porque o foco da prática é a coluna vertebral, a nossa base de sustentação. A coluna vertebral está intimamente ligada ao nosso corpo, a cada órgão, a cada parte do corpo. E por ser simples é praticável por pessoas de todas as idades e com diferentes condições físicas. 

Como é que o Lu Jong pode ser usado na terapia comportamental?

A terapia comportamental é um tipo de tratamento com foco na alteração de comportamentos e pensamentos negativos. Ele concentra-se na identificação e modificação de comportamentos problemáticos, sendo frequentemente utilizado para tratar depressões, transtornos de ansiedade, transtornos alimentares, transtornos obscessivo-compulsivos, entre outros. 

E o Lu Jong pode ser uma ferramenta bastante útil para ajudar as pessoas a trazerem a sua atenção para os seus corpos, para os seus comportamentos, para os seus pensamentos, e a conectarem-se cada vez mais consigo próprios. Isto pode ser particularmente interessante para quem luta contra a ansiedade, depressão e outros problemas do foro mental. A prática de Lu Jong pode ajudar as pessoas a tornarem-se mais conscientes dos seus corpos e das suas emoções. E isso ajuda-as a identificar comportamentos negativos e a desenvolver habilidades para liderarem com esses comportamentos de forma mais saudável. O Lu Jong, no fundo, está a ser utilizado como uma meditação em movimento, que permite ao praticante concentrar-se no momento presente e afastar pensamentos negativos ou preocupações. 

O yoga tibetano Lu Jong é uma prática simples, muito leve e muito suave de se fazer, mas muito poderosa. Permite uma conexão profunda com o corpo e quando isso acontece o stress e a ansiedade são reduzidos, e a vitalidade, a saúde e o grau de satisfação com a vida são altamente potenciados.

O Lu Jong no stress

O stress é um grande inibidor do nosso sistema imunitário. É uma resposta natural do corpo a situações desafiadoras ou ameaçadoras e que prepara o corpo para uma resposta de “luta ou fuga”, e que portanto, em situações de emergência é de extrema importância. Mas quando nos encontramos continuamente sob este estado de stress, o que é que este faz ao nosso corpo? Faz com que sejam libertadas continuamente hormonas como a adrenalina e o cortisol, e que o sistema imunitário e as células de crescimento sejam inibidos das suas funções. Se o sistema imunitário é inibido, é somente natural que a doença se instale com muita facilidade. E se as células de crescimento são inibidas, é somente natural que o processo de rejuvenescimento seja praticamente inexistente. Tudo porque o corpo está a solicitar e a canalizar toda a energia disponível para uma resposta de “luta ou fuga”. E aqui o Lu Jong desempenha um papel extraordinário. Ao ser capaz de reduzir o stress, o sistema imunitário é automaticamente potenciado. Quando, no Lu Jong, respiramos de forma suave, nos movemos de forma suave e nos permitimos levar a atenção ao nosso corpo, nós estamos a dizer ao nosso corpo que estamos num ambiente seguro, que não existe nenhuma ameaça que ponha em causa a nossa sobrevivência. Então o nosso corpo experimenta a paz, retoma as suas funções e a nossa saúde é fortalecida. O Lu Jong ensina-nos a fazer uma correta gestão do stress. 

Concluindo

O Lu Jong fortalece o corpo, acalma a mente e melhora a saúde. Como terapia comportamental, o Lu Jong ajuda a desenvolver a consciência corporal e aumenta a nossa capacidade de lidar com o stress. E isso automaticamente implica uma redução dos níveis de ansiedade, uma melhoria na qualidade do sono, o fortalecimento do sistema imunitário, entre muitos outros benefícios.

Experimenta incorporar a prática de Lu Jong na tua rotina diária e descobre por ti os benefícios e os efeitos que esta prática tem na qualidade da tua vida.